Chevrolet vai mostrar seu lado elétrico

Além dos novos Camaro, Cruze Hatch e Tracker, o estande da Chevrolet no Salão do Automóvel também tem a presença confirmada do novo Bolt. Renovado no ínicio deste ano, o compacto elétrico da GM se destaca pela ampla autonomia, novas tecnologias e preço acessível para um carro com essa proposta. Alimentado por baterias de íons de lítio, o compacto elétrico pode percorrer cerca de 380 km com uma única carga. Parte de recarga otimizada vem do aproveitamento da energia dissipada em frenagens e em desacelerações. Com o veículo em movimento, basta tirar o pé do acelerador para ativar esta função.
"Elétrico para as massas", Chevrolet Bolt está confirmado para o Salão do Automóvel
Equipado com um motor elétrico com potência equivalente a 200 cv e 36,5 kgfm de torque, o Bolt pode ser recarregado enquanto estiver estacionado em uma garagem residencial, onde 1 hora em 240V corresponde a 40 km de autonomia. Também pode se utilizar das estações públicas de alta voltagem, onde 30 minutos garantem 150 quilômetros de autonomia. O Bolt ainda não tem previsão de vinda ao país, mas a GM vai abordar o tema eficiência energética em outras frentes, destacando as mudanças mecânicas para a sua linha 2017 vendida por aqui, com redução de consumo que ultrapassa 30%, dependendo do modelo. Para isso, passou a utilizar melhorias como grade ativa do radiador, Stop/Start, alerta de pressão dos pneus e a direção elétrica. Fotos: divulgação

"Elétrico para as massas", Chevrolet Bolt está confirmado para o Salão do Automóvel

Foto de: Redação