Intermot: Yamaha MT-09 ganha cara da MT-10 na reestilização da linha 2017

Intermot: Yamaha MT-09 ganha cara da MT-10 na reestilização da linha 2017
A Yamaha faz de palco o Salão de Colônia (Intermot), na Alemanha, para apresentar a reestilização da naked tricilíndrica MT-09 (850 cc), que estreia na Europa como linha 2017 três anos depois do modelo original. Mudança mais chamativa fica por conta da dianteira redesenhada, tendo como base a supernaked MT-10. Agora a 09 exibe faróis duplos de LED no lugar do antigo farol único de lâmpada simples, além da carenagem com estilo mais agressivo. Ao mesmo tempo, os picas passaram a ficar na altura do radiador, e não mais ao lado do farol. O painel de LCD foi mantido, mas com posicionamento mais próximo do ângulo de visão do piloto.
Intermot: Yamaha MT-09 ganha cara da MT-10 na reestilização da linha 2017
Na traseira, o sub-chassi foi encurtado em 30 mm, enquanto a rabeta recebeu uma nova lanterna de LED. Também o banco foi modificado, ficando 5 mm mais alto e com formato para oferecer melhor suporte ao corpo. Por fim, a placa passa a ser posicionada num suporte preso à roda traseira - solução de gosto discutível.
Intermot: Yamaha MT-09 ganha cara da MT-10 na reestilização da linha 2017
Estética à parte, a nova MT-09 passa a contar com embreagem assistida e deslizante (que evita a travada de roda em reduções bruscas). De acordo com a marca, o manete da embreagem ficou 20% mais leve de acionar, aumentando o conforto de pilotagem. Outra novidade fica por conta do sistema Quick Shift, que elimina a necessidade do uso da embreagem para subir as marchas. Nada muda no motor. O modelo 2017 ainda traz novos garfos dianteiros de 41 mm, com ajuste de compressão na bengala esquerda e de retorno na direita. A suspensão traseira, considerada muito macia, aparentemente não foi mexida pela Yamaha. Caso a Yamaha do Brasil siga seu intenso processo de lançamentos, deveremos ter a nova MT-09 por aqui em algum momento de 2017. Fotos: Divulgação

Intermot: Yamaha MT-09 ganha cara da MT-10 na reestilização da linha 2017

Foto de: Redação