Mais leve: BMW desenvolve chassi em fibra de carbono para motos

Depois do elétrico i3, híbrido i8 e do luxuoso Série 7, a BMW se prepara para utilizar fibra de carbono também em suas motocicletas. Junto com o alumínio, o material traz um reforço estrutural ao chassi com uma considerável redução de peso. Pelas imagens da patente, a tecnologia seria aplicada principalmente na linha esportiva, com destaque para a S1000RR, mas também pode se estender para demais modelos topo de linha da marca em outros segmentos. A dieta resultará em cerca de 40% menos peso e maior rigidez estrutural.
Mais leve: BMW desenvolve chassi em fibra de carbono para motos
A BMW está em busca da melhor forma de construção com o material. Entre os estudos, os engenheiros procuram o método mais barato, mais rápido e mais seguro, já que a fibra de carbono, no passado, se mostrou insegura ao, no momento do impacto, soltar pedaços e deixar pontas em partes que podem ferir, principalmente nas motos. Ela usa o "know-how" adquirido com o i3, i8 e Série 7 nesta missão. Foto: divulgação

Mais leve: BMW desenvolve chassi em fibra de carbono para motos

Foto de: Leo Fortunatti