Jetta ganha motor 1.4 TSI e finalmente aposenta o veterano 2.0 nos EUA

Bem que poderia ser no Brasil, mas ainda não foi dessa vez. A divisão norte-americana da Volkswagen aposta cada vez mais no downsizing e lança o motor 1.4 litro turbo na linha Jetta 2016. O propulsor menor entra no lugar do 1.8 turbo e ao mesmo tempo aposenta o velho 2.0 litros.
Leia também: Teste CARPLACE: Jetta TSI mantém pegada de GTI em corpo de sedã 
Jetta ganha motor 1.4 TSI e finalmente aposenta o veterano 2.0 nos EUA
Inédito nos Estados Unidos, este saudável 1.4 turbo de injeção direta tem 150 cv e 25,4 kgfm de torque. Nada mal diante dos parcos 115 cv do cansado 2.0 litros oito válvulas. A Volkswagen afirma que o motor menor é cerca de 13% mas eficiente que o 2.0 e 7% mais que o 1.8 Turbo. O câmbio pode ser manual de cinco marchas ou automático de seis velocidades.
Leia também: VW Jetta GLI 2016, o “Golf GTI sedã”, ganha visual mais esportivo nos EUA
Jetta ganha motor 1.4 TSI e finalmente aposenta o veterano 2.0 nos EUA
Recém atualizado, o Jetta estava devendo um motor decente na versão de entrada. Apelidado pelos norte-americanos de "2-point-slow", algo como "2 ponto lento", o antigo propulsor está presente na terra do Tio Sam desde 1995. Agora, a linha conta com duas opções mecânicas: o 1.4 TSi e o 2.0 TSi. Fotos: VW Jetta 2015

Jetta ganha motor 1.4 TSI e finalmente aposenta o veterano 2.0 nos EUA

Foto de: Redação