Mercedes diz que 'boom' do mercado de SUVs jamais vai acabar

SUV de entrada, GLA será produzido no Brasil em 2016 O mercado de SUVs vive um momento de franca expansão em praticamente todas as regiões do mundo e, para a Mercedes-Benz, o segmento deve se manter em alta por muito tempo. Em entrevista concedida ao portal australiano CarAdvice, Thomas Weber, membro do conselho de administração da Daimler, declarou que o 'boom' experimentado atualmente pela categoria jamais vai acabar. "A maior tendência em todo o mundo hoje é de utilitários. Não há nenhuma perspectiva de desaceleração. Por que deveria?", questionou.
Mercedes diz que 'boom' do mercado de SUVs jamais vai acabar
GLC, lançamento mais recente da marca na categoria Para Weber, as pessoas dão preferência aos SUVs hoje por diversos fatores: posição elevada de dirigir, liberdade, independência para percorrer estradas difíceis e amplo espaço. Questionado sobre o excesso de atributos apesar do uso praticamente apenas urbano dos proprietários, o executivo rebateu: "Há sempre um final de semana que pegamos alguma estrada ruim, com lama ou neve. Além disso, é fato que boa parte dos clientes compram o carro pelas capacidades que ele oferece".
Mercedes diz que 'boom' do mercado de SUVs jamais vai acabar
GLE Coupé, feito na medida para encarar o BMW X6 Atualmente portfólio da Mercedes é formado por seis SUVs (GLA, GLC, GLE, GLE Coupé, GLS e Classe G), mas Weber já adiantou que a frota será expandida. "Quem sabe sete ou oito, porque não?", declarou.

Mercedes diz que 'boom' do mercado de SUVs jamais vai acabar

Foto de: Dyogo Fagundes