Audi paralisa temporariamente produção na Bélgica após ataque terrorista

Ataques terroristas ocorridos na manhã desta terça-feira (22) obrigaram a Audi a interromper por tempo indeterminado as atividades que mantém na Bélgica. Conforme informam noticiários internacionais, bombas foram detonadas no aeroporto e metrô locais, causando pelo menos 31 mortes e cerca de 198 feridos. Temendo consequências maiores, a fabricante alemã interrompeu a produção do último turno na fábrica que possui em Bruxelas, dispensando temporariamente 1.100 funcionários.
Audi paralisa temporariamente produção na Bélgica após ataque terrorista
De forma específica, a paralisação afetará o ritmo de produção do compacto A1, que deixará de ter aproximadamente 250 unidades fabricadas - perda que será facilmente recuperada no futuro, antecipa a empresa. A fábrica belga possui algo em torno de 2.500 funcionários e teve a segurança reforçada após o ataque. A paralisação foi recomendada pelas autoridades locais, de modo que ainda não há data prevista para retorno à normalidade. Leia também:

Audi A1 2016 chega com novo motor 1.8 de 196 cv – veja preços

Audi paralisa temporariamente produção na Bélgica após ataque terrorista

Audi paralisa temporariamente produção na Bélgica após ataque terrorista

Foto de: Dyogo Fagundes