Afetada pelo escândalo de emissões, VW Amarok terá facelift em 2016

De acordo com matéria publicada nesta semana no site australiano Car Advice, a Volkswagen Amarok irá passar por sua primeira reestilização até o fim do ano que vem.
Afetada pelo escândalo de emissões, VW Amarok terá facelift em 2016
Leia também: Argentina: VW lança Amarok 2016 com mecânica mais confiável Não são esperadas grandes mudanças no visual externo, mas a Amarok 2016 terá novidades na cabine, como um novo sistema de entretenimento com Apple CarPlay/Android Auto, além de novas versões e mais equipamentos de segurança. Sob o capô, deve ser mantido o motor 2.0 TDI de 180 cv e as mesmas opções de câmbio manual ou automático.
Afetada pelo escândalo de emissões, VW Amarok terá facelift em 2016
Leia também: VW é multada em R$ 50 milhões no Brasil por fraude no motor TDI da Amarok O chefão da Volkswagen Austrália, Carlos Santos, admitiu que a Amarok ainda tem um longo caminho a percorrer antes de atingir a imagem de "robusta e inquebrável", atribuída a rivais como a Toyota Hilux. A próxima geração da picape só deve ficar pronta em 2020. Dieselgate A Amarok é um dos modelos afetados pelo escândalo de emissões dieselgate. No caso do Brasil, 17 mil unidades da picape possuem o software malicioso, o que levou a VW a pagar multa de R$ 50 milhões ao IBAMA por fraude no motor 2.0 TDI.

Afetada pelo escândalo de emissões, VW Amarok terá facelift em 2016

Foto de: Redação