Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros

Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros
Menos de um ano depois de lançar o New March nacional, fato responsável por dobrar as vendas do carro por aqui, a Nissan traz o novo motor 1.0 litro de três cilindros para o compacto, já produzido na fábrica de Resende (RJ) ao lado do 1.6 16V. A boa notícia é que, apesar de ter um cilindro a menos, o novo propulsor substitui com sobras o antigo 1.0 16V de quatro cilindros emprestado da Renault. A má é que quem comprou o New March 1.0 até então viu seu carro sair de linha em pouco mais de oito meses... Recapitulando um pouco da história do modelo, o March nasceu em 1982 e hoje é vendido em 160 países, sendo o principal modelo global da Nissan com quase 7 milhões de unidades vendidas (1 milhão somente em 2014). Agora na quarta geração, se torna o primeiro carro japonês com motor de três cilindros no País.

O que é?

Em relação ao New March 1.0 com bloco de quatro cilindros, a novidade da Nissan ficou mais leve e compacta no que diz respeito ao motor, já que são menos peças em movimento e consequentemente menor consumo de combustível e emissão de poluentes. Segundo a fabricante, o consumo médio com etanol é de 8,8 km/l na cidade e 10,3 km/l na estrada, e com gasolina passa a 12,9 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada. Chamado de HR10, o motor 1.0 12V é derivado do HR12 de 1.2 litro utilizado em vários países e já atende à nova norma de emissões Proconve L6 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores).
Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros
O New March agora tem três cilindros com diâmetro x curso de 78 x 69,7, taxa de compressão de 11,2:1, sistema de partida a frio Flex Start (que elimina o famoso tanquinho) e agora entrega 77 cv de potência e 10 kgfm de torque, contra 74 cv e os mesmos 10 kgfm do antigo quatro cilindros. Na teoria a vantagem é de apenas 3 cv, mas na prática...

Como anda?

Durante o test-drive no Rio de Janeiro, saindo da Praia da Barra e chegando ao Mirante do Roncador, rodamos cerca de 40 km (ida e volta) com o novo carro. Pode ser pouco, mas foi suficiente para fazer uma comparação com o antigo quatro cilindros, que eu havia dirigido na mesma semana. Veredicto? Se você gostava de dirigir o modelo anterior, vai curtir ainda mais o March com o novo motor. A direção elétrica continua leve e ágil, sendo muito gostoso de dirigir e colocar o carro onde quisermos com facilidade. O ruído interno aumentou, mas isso não chega a ser um ponto negativo, pois o ronco do tricilíndrico é agradável e tem até um timbre esportivinho.
Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros
Apesar de entregar os mesmos 10 kgfm do 1.0 16V, o novo 1.0 12V disponibiliza mais torque em baixas e médias rotações, deixando o carro ainda mais esperto e valente, seja no trânsito urbano, na estrada ou em retomadas. Com quatro válvulas por cilindro e duplo comando de válvulas (variável na admissão), o motor tem pegada logo que acorda, enquanto no antigo era preciso elevar mais o giro. Fora isso, a distribuição por corrente amplia o prazo de manutenção do equipamento para acima de 100 mil km, o dobro do normal para as correias. E as velas têm eletrodos de platina, só necessitando de substituição após 100 mil km. O foco da Nissan para o March não está apenas na economia de combustível, mas também no prazer em dirigir. A fabricante, por exemplo, não vê problema algum em apresentar um novo motor, depois das rivais, com menos potência, como é o caso da Ford com o novo Ka e seu motor de 85 cv. Vale lembrar que uma das vantagens do March é justamente o baixo peso (964 kg), o que acaba compensando a potência inferior. De fato, o prazer ao guiar o novo modelo é satisfatório, com o motor parecendo bem acertado em termos de suavidade de funcionamento e capacidade de resposta do acelerador. Estranhamente, a Nissan divulga aceleração de 0 a 100 km/h mais lenta: 15 segundos, contra 13,8 s do antigo 1.0 16V - o que vamos conferir em breve num teste completo.
Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros
Passando pela Praia do Pontal, Praia do Recreio e chegando ao Mirante do Roncador e à Prainha, foi possível admirar não só a bela paisagem do Rio de Janeiro, como também o consumo de 17,8 km/l com gasolina, dirigindo de forma tranquila. É notável também que o motor trabalha mais relaxado em quinta marcha, que teve a relação alongada (0,821 para 0,795), baixando as rotações em velocidade de cruzeiro.
Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros
Acelerando um pouco mais, exigindo o motor em retomadas e arrancadas, o computador de bordo exibiu um consumo de 16 km/l. Vale dizer que a maior parte do test-drive ocorreu com o ar-condicionado ligado. Ao desligar o equipamento, porém, quase não se nota diferença no desempenho, ao menos em piso plano. No restante, nada muda. As suspensões permanecem com o ajuste mais durinho conhecido do March, enquanto os freios e o acerto da direção preveem um carro fácil e leve de conduzir.
Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros

Quanto custa?

Com o acréscimo de cerca de R$ 1.700 do novo motor, o March deixa um pouco de lado a vantagem financeira que levava em relação aos rivais mais modernos, como Hyundai HB20 e o Ford Ka. A versão Conforto, que conta com ar-condicionado e direção elétrica de série, é oferecida pela Nissan com um preço sugerido de R$ 35.990. Já o New March 1.0 S, disponível por R$ 37.990, acrescenta travas, vidros e retrovisores elétricos e chave com telecomando. A versão topo de linha, 1.0 SV, é oferecida por R$ 40.990 ainda com rádio e Bluetooth, farol de neblina, aerofólio, volante com comandos e rodas aro 15". Por Alexandre Ciszewski, do Rio de Janeiro (RJ) Fotos: Divulgação e autor  Viagem a convite de Nissan Ficha técnica – Nissan New March 1.0 3 cilindros SV Motor: dianteiro, transversal, 3 cilindros em linha, 12 válvulas, comando duplo varável na admissão, flex; Potência: 77 cv a 6.200 rpm (etanol ou gasolina); Torque: 10 kgfm a 4.000 rpm (etanol ou gasolina); Transmissão: manual de cinco marchas, tração dianteira; Direção: elétrica com assistência variável; Suspensão: independente McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira; Freios: discos ventilados na dianteira e tambores na traseira, com ABS; Rodas: liga-leve aro 15, com pneus 185/60 R15; Peso: 964 kg; Capacidades: porta-malas 265 litros, tanque 41 litros; Dimensões: comprimento 3.827 mm, largura 1.675 mm, altura 1.528 mm, entre-eixos 2.450 mm Veja a galeria de fotos do Nissan  New March 1.0 3 cilindros:

Volta Rápida: Nissan March fica mais agradável e econômico com três cilindros