Em uma década, 7 em cada 10 picapes terão carroceria de alumínio nos EUA

Introduzida recentemente pela nova geração da Ford F-150, a tecnologia de carroceria de alumínio em picapes promete se popularizar nos próximos anos nos Estados Unidos. Um relatório recente divulgado pelo site The Detroit News aponta que em um prazo máximo de um década, 7 em cada 10 caminhonetes vendidas no mercado norte-americano tenha o metal leve a composição de suas estruturas. Redução de peso e eficiência energética são os principais aceleradores dessa tendência.
Em uma década, 7 em cada 10 picapes terão carroceria de alumínio nos EUA
Apesar de apresentar desvantagens em relação ao aço convencional (a liga de alumínio é mais sensível e demanda técnicas mais caras e sofisticadas em caso de eventuais reparos), o alumínio vem sendo apontado como o redentor de modelos grandalhões e pesados. A F-150, por exemplo, emagreceu cerca de 300 quilos e ficou 20% mais eficiente de uma geração para a outra graças ao uso do material. Para os próximos anos a expectativa é que o metal se popularize e chegue também a modelos menores.

Em uma década, 7 em cada 10 picapes terão carroceria de alumínio nos EUA

Foto de: Dyogo Fagundes