Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM

O que mudar em uma picape líder do seu segmento desde que foi lançada? À primeira vista, você pode achar que nada mudou na S10. De fato, o visual externo se manteve inalterado, o que é justificável, uma vez que ainda agrada. Mas é debaixo do capô, na suspensão e cabine que as coisas evoluíram. Além de mais vendida, a S10 pode se gabar de outro mérito: a picape tornou-se a mais potente da categoria ao ganhar o novo motor 2.5 Ecotec SIDI Flex, o primeiro motor bicombustível com injeção direta do segmento. Quer saber como anda? Acompanhe!
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Chevrolet S10 2015 SIDI Flex O que é? Para começar, vamos falar das novidades do acabamento. Ao entrar na cabine, há novos materiais em tom mais escuro no acabamento do painel. É possível notar a melhor a qualidade visualmente e no toque por conta das novas texturas, ao contrário da anterior em que o plástico parecia mais simples. As peças são bem encaixadas e não há pontos de rebarba. Também são novos os acabamentos em preto brilhante na porção central do painel, console, portas e volante.
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Novos materiais conferem aspecto geral de melhor qualidade Na versão LTZ, temos controle eletrônico de tração e de estabilidade (TC e ECS) e o controle de balanço de reboque (TSC), além do assistente de partida em rampas (Hill Start Assist) e o assistente de descida (Hill Descend Control), que controla a velocidade em descidas íngremes sem a necessidade de intervenção do motorista.
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Novo motor 2.5 é o primeiro do segmento com injeção direta e bicombustível No conjunto mecânico, o motor 2.5 Ecotec marca uma importante evolução na linha de propulsores da Chevrolet. Moderno, dispõe da tecnologia de injeção direta de combustível, duplo comando de válvulas variável e bloco de alumínio. Bicombustível, também dispensa o tanquinho de partida a frio. Gera expressivos 197 cv de potência e torque de 27,3 kgfm com gasolina, e 206 cv/27,3 kgfm com etanol. Por enquanto, o motor 2.5 Ecotec será associado somente com a transmissão manual de seis marchas, mas estreia também a opção de tração 4x4, disponível até então apenas nas configurações a diesel. Como anda? Tomo o assento do motorista para início do test-drive na região da fronteira entre Argentina e Brasil. Ajusto eletricamente o banco e também os retrovisores. Com o dia chuvoso e janelas fechadas, ligo o ar-condicionado e o deixo assim por praticamente toda a avaliação. Logo de cara, a S10 2.5 Ecotec mostra bem mais disposição do que a equipada com motor 2.4 Flex de 147/141 cv. A picape ganha velocidade rapidamente, o que vai ao encontro com tempo de 9,1 segundos divulgado para a aceleração de 0 a 100 km/h (etanol).
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Chevrolet S10 2015 SIDI Flex Rodando na estrada, duas outras boas observações: a picape está mais firme e mais silenciosa. A engenharia trabalhou para reduzir o ruído interno e aplicou um novo pacote de isolamento acústico. Funcionou bem. A outra evolução, na suspensão, é reflexo da recalibração das suspensões dianteira e traseira, que teve como objetivo deixar a condução mais precisa, com menos sacolejos. Também foi possível rodar em estradas pavimentadas com pedras e paralelepípedos. Nesta situação observamos claramente a atuação dos sistemas de controle de tração e estabilidade em ação. Bastava forçar um pouco no acelerador ou no volante que os sistemas intervinham. Claro que estas provocações foram apenas para simular uma situação de emergência, não sendo triviais numa condução normal. Outra evolução percebida é no balanço da cabine, que agora "pula" bem menos em pisos irregularidades. Em resumo, a S10 2.5 Ecotec ficou esperta, confortável e silenciosa, além de melhorar na estabilidade. Ao revezar o volante com outros jornalistas, não foi possível apurar precisamente o consumo de combustível do novo motor. O computador de bordo indicou 7,8 km/litro com etanol em percurso misto, o que vamos apurar num futuro teste completo.
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Chevrolet S10 2015 SIDI Flex Quanto custa? O novo motor Ecotec com injeção direta substitui o 2.4 Flexpower nas versões intermediária (LT) e de topo (LTZ), mantendo o 2.4 apenas na versão de entrada (LS). Portanto, com a oferta 2.8 turbodiesel de 200 cv, a S10 2015 passa a ser vendida com três opções de motores, três câmbios, cabines simples e dupla, distribuídas em 14 configurações. Para ter a picape com o novo propulsor na garagem é preciso desembolsar ao menos R$ 86.400 pela versão LT 2.5 flex 4x2, ou R$ 97.700 pela configuração topo de linha, a LTZ 2.5 flex 4x2. Por R$ 103.700 leva-se a LTZ 2.5 flex com tração 4x4 - todas de cabine dupla. O único câmbio disponível é manual de seis marchas. A Chevrolet fica devendo uma opção automática com este motor (veja os itens de série).
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
Chevrolet S10 2015 SIDI Flex Mais do que uma ótima notícia para o consumidor da S10, o motor 2.5 com injeção direta é a prova de que a engenharia da Chevrolet está trabalhando no país com as mais recentes tecnologias, num modelo que exige robustez praticamente 100% do tempo. Ou seja, é um belo laboratório. Ao que tudo indica, os próximos passos incluem motores menores e com a adoção do turbo. Por Fábio Trindade, de Iguazu (Argentina) Viagem a convite da GM do Brasil
Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM
CHEVROLET S10 CABINE DUPLA ECOTEC 2.5 SIDI FLEX Motor: dianteiro, longitudinal, quatro cilindros em linha, 16 válvulas, 2.457 cm³, flex, injeção direta, duplo comando variável de válvulas; Potência: 197 cv a 6.300 rpm (G)/206 cv a 6.000 rpm (E); Torque: 26,3 (G)/27,3 (E) kgfm a 4.400 rpm; Transmissão: manual de seis marchas, tração dianteira / 4x4; Direção: hidráulica; Suspensão: independente, braços articulados e molas helicoidais; Traseira: feixe de molas semi-elípticas de 2 estágios; Freios: discos ventilados na dianteira e tambores na traseira, com ABS e EBD; Rodas: aro 16 com pneus 245/70 R16 (LT) e aro 17 com pneus255/65 R17 (LTZ); Peso: 1.979 kg; Distribuição de peso (% dianteira/traseira): 53/47; Capacidades: caçamba 1.570 litros; capacidade de carga (kg): 927 (LT 4x2); 825 (LT 4x4); 873 (LTZ 4x2); 771 (LTZ 4x4); Tanque de combustível: 80 litros; Dimensões: distância entre eixos: 3.096 mm, comprimento total: 5.347 mm, largura carroceria: 1.882 mm, largura total: 2.132 mm, altura (mm): 1.908;

Galeria de fotos:

Volta Rápida: S10 2.5 Ecotec SIDI Flex inicia nova era nos motores GM

Foto de: Fábio Trindade