Ford começa a produzir EcoSport na Rússia, mesmo sob condições difíceis

Anunciada desde o fim do ano passado, a produção do EcoSport na Rússia foi iniciada nesta semana pela Ford. Realizada em parceria com a empresa local Sollers, a montagem do modelo é concentrada na fábrica de Naberezhnie Chelny, região do Tartaristão. O início das operações acontece em um momento delicado para o mercado doméstico, tendo em vista a tensão geopolítica vivida pelo país e a desvalorização da moeda local. Na comparação com o mesmo período de 2013 as vendas caíram quase 14%. O EcoSport russo conta com motores 1.6 e 2.0 a gasolina, com opções de câmbio manual (cinco ou seis marchas) e automático PowerShift (seis velocidades). A tração pode ser dianteira ou integral, sendo esta responsável por compor boa parte do mix de vendas dadas as condições das estradas nas regiões mais frias do país. A fábrica de Chelny tem capacidade para produzir 115 mil unidades anualmente e emprega aproximadamente 1.500 pessoas.
Ford começa a produzir EcoSport na Rússia, mesmo sob condições difíceis
Posteriormente, o novo Edge também será produzido na Rússia, juntando-se aos modelos Focus, Kuga, Mondeo, Transit e Explorer que já são fabricados localmente.

Ford começa a produzir EcoSport na Rússia, mesmo sob condições difíceis

Foto de: Dyogo Fagundes