Chefão da Volks diz que SUV de sete lugares será nova referência no segmento

Em entrevista concedida nesta semana à revista Automobile Magazine, Michael Horn, CEO da Volkswagen na América do Norte, revelou detalhes dos planos da marca para os próximos anos e antecipou informações sobre a versão de produção do SUV CrossBlue. Considerado uma das grandes armas da VW para ampliar sua participação no mercado americano, o modelo estreará dentro de dois anos e será posicionado entre o Tiguan e o Touareg. Nas palavras de Horn, o jipão será a nova referência do segmento.
Chefão da Volks diz que SUV de sete lugares será nova referência no segmento
Medindo 4,98 metros de comprimento, exatos 2 metros de largura e 1,73 metro de altura, o CrossBlue acomoda com conforto até sete ocupantes e promete ser um dos SUVs mais espaçosos da categoria. Apresentado pela primeira vez na edição passada do Salão de Detroit, o modelo ostentava um conjunto mecânico formado por um motor 2.0 TDI a diesel de 190 cv associado a dois blocos elétricos: um de 54 cv no eixo dianteiro e outro de 114 cv no eixo traseiro.
Chefão da Volks diz que SUV de sete lugares será nova referência no segmento
Horn adiantou ainda que o CrossBlue de produção será equipado com itens inéditos no segmento e terá construção de alta qualidade. Apesar de falar em "construção", o executivo não soube dizer em que fábrica o utilitário será produzido. Especulações apontam para uma planta nos Estados Unidos, outras para o México, mas nada foi decidido até o momento.

Chefão da Volks diz que SUV de sete lugares será nova referência no segmento

Foto de: Dyogo Fagundes