SUV's e crossovers estão matando os carros esportivos, diz BMW

A BMW parece não estar tão otimista quanto à recuperação do mercado global de veículos esportivos. Em entrevista concedida à agência Bloomberg, Ian Robertson, chefe de vendas da gigante bávara, disse não acreditar que o segmento tenha condições de se recuperar e voltar ao mesmo patamar de antes da crise econômica de 2008-2009. "O mercado de carros esportivos é mais ou menos a metade do que costumava ser. Eu não tenho tanta certeza de sua total recuperação", disse.
SUV's e crossovers estão matando os carros esportivos, diz BMW
Segundo Robertson, em mercados da Europa e da América do Norte o carro esportivo vem perdendo espaço para SUVs e crossovers compactos. Na China e em boa parte dos países em crescimento, o executivo afirma que o calor, a poluição e a demanda por carros com motoristas diminuíram o apelo dos esportivos entre os clientes mais ricos.
SUV's e crossovers estão matando os carros esportivos, diz BMW
Como exemplo do declínio do mercado, a reportagem cita a queda nas vendas dos modelos Audi TT, BMW Z4 e Mercedes-Benz SLK. Juntos, em 2007, os três esportivos emplacaram algo em torno de 114 mil unidades em todo o mundo. Em 2010, porém, o recuo foi de 45% e desde então ainda não houve recuperação total.

SUV's e crossovers estão matando os carros esportivos, diz BMW

Foto de: Dyogo Fagundes