Motos: mulheres que pilotam são mais felizes que a média, aponta pesquisa

Uma das mais renomadas fabricantes de motocicletas do mundo, a Harley-Davidson encomendou uma pesquisa para avaliar a satisfação e a auto-estima das mulheres que pilotam motos nos Estados Unidos. O estudo, que envolveu 1.013 pilotas e 1.016 não-pilotas, atestou que as donzelas que andam sobre duas rodas são mais felizes do que as que não o fazem. Desse total, mais da metade afirmou que tem nas motos sua principal fonte de felicidade, ao passo que 74% revelaram ter melhorado de vida depois de passar a pilotar.
Motos: mulheres que pilotam são mais felizes que a média, aponta pesquisa
A pesquisa provou também que o ato de pilotar ajudou as mulheres a se descobrirem melhor internamente e em relação aos seus sentimentos. 34% afirmaram que se sentiram menos estressadas e mais de 50% garantiram estar extremamente satisfeitas com seus relacionamentos. Outras entrevistadas disseram ainda que passaram a se sentir mais felizes, mais sexys e confiantes na hora de tomar decisões.

Motos: mulheres que pilotam são mais felizes que a média, aponta pesquisa

Foto de: Dyogo Fagundes