Fábrica da GM em Gravataí chega a 2,5 milhões de carros produzidos

A General Motors tem dois motivos para comemorar neste domingo, dia 20 de julho. Ao mesmo tempo em que o seu complexo industrial em Gravataí chega a 14 anos de atividades, a montadora também celebra a marca de 2,5 milhões de carros produzidos por lá. Com capacidade fabril de até 63 unidades por hora, mais de um veículo por minuto, a fábrica opera em três turnos e é atualmente a maior da empresa no hemisfério Sul. Atualmente são produzidos três modelos Chevrolet: os hatches Onix e Celta e o sedã Prisma. O complexo abrange ainda 19 empresas sistemistas e emprega aproximadamente 8.000 trabalhadores.
Fábrica da GM em Gravataí chega a 2,5 milhões de carros produzidos
Inaugurado em 2000, a General Motors apostou em um novo conceito de condomínio industrial, onde os principais fornecedores foram instalados próximo à linha de montagem. Desde então, o complexo de Gravataí serve de modelo para diversas companhias em todo o mundo. Acompanhando o crescimento do mercado nacional, a GM promoveu no período duas grandes ampliações. A primeira foi em 2006 com o lançamento do Prisma, onde a capacidade produtiva passou de 120 mil para 230 mil unidades anuais. Já a última foi em 2012 com a chegada do projeto do Onix, elevando a capacidade para os padrões atuais de até 380 mil carros por ano.
Fábrica da GM em Gravataí chega a 2,5 milhões de carros produzidos
“Esta é uma fábrica que foi planejada para crescer e ser referência, e os números comprovam isso”, destaca Marcos Munhoz, vice-presidente da GM do Brasil. Quase que uma pequena cidade, o complexo de Gravataí tem cerca de 40 ruas, algumas batizadas com nomes de modelos Chevrolet, como Corsa, Vectra, Opala, Monza e Omega. O local abriga ainda restaurantes, agências bancárias, farmácia, loja de conveniência e ambulatório, por exemplo. Há também estação de tratamento de efluentes, reservatório de água e até subestação de energia elétrica. Prova de como uma montadora pode transformar uma região e levar desenvolvimento econômico para todo o entorno estão nos números. Antes da implantação da fábrica, orçamento de Gravataí, em 1997, era de R$ 37 milhões. Atualmente, a previsão de 2014 é de R$ 650 milhões. Isso coloca Gravataí como o quinto maior PIB (Produto Interno Bruto) entre as cidades do Rio Grande do Sul e a quarta posição em arrecadação de ICMS.
Fábrica da GM em Gravataí chega a 2,5 milhões de carros produzidos
Histórico da GM Gravataí 17/03/1997 - Anúncio do município de Gravataí como sede do Complexo da GM 20/07/2000 - Inauguração oficial do Complexo Industrial Automotivo de Gravataí (Ciag) 02/09/2000 - Lançamento do Chevrolet Celta 20/05/2005 - Produção do Celta 500.000 01/10/2006 - Lançamento do Chevrolet Prisma (1ª ampliação da planta) 20/05/2008 - Produção do carro “um milhão” 09/06/2010 - Início oficial das obras do Projeto Onix (2ª ampliação da planta) 27/08/2010 - Produção de 1,5 milhão de veículos 30/10/2012 - Lançamento do Chevrolet Onix Hatchback 13/12/2012 - Produção do veículo “dois milhões” 26/02/2013 - Lançamento do novo Chevrolet Prisma 24/05/2013 - Produção dos 2,1 milhões de veículos 16/07/2013 - Lançamento das versões 2014 dos Chevrolet Onix e Prisma e introdução da transmissão automática nos dois modelos equipados com motor 1.4 20/07/2014 – Aniversário de 14 anos da Fábrica de Gravataí

Fábrica da GM em Gravataí chega a 2,5 milhões de carros produzidos

Foto de: Fábio Trindade