Novo Mustang ocupará lugar deixado pelo Falcon na Austrália

Com lançamento previsto para o ano que vem, a nova geração do Mustang deverá preencher a lacuna deixada pelo sedã apimentado Falcon na Austrália em 2016. Conforme já anunciado, a Ford deixará de produzir veículos no enorme país da Oceania dentro de dois anos, passando a comercializar apenas modelos importados. O novo muscle car não suprirá completamente a ausência do três volumes, mas a marca espera manter a representatividade no segmento de esportivos.
Novo Mustang ocupará lugar deixado pelo Falcon na Austrália
Bastante aguardado, o Mustang 2015 promete inovações importantes e motores mais eficientes que os vistos na geração atual. No mercado australiano, serão oferecidos motores de seis e oito cilindros, mas no Reino Unido, que igualmente terá o volante posicionado do lado direito, haverá propulsores menores como o esperado 2.3 EcoBoost.
Novo Mustang ocupará lugar deixado pelo Falcon na Austrália
O Mustang foi vendido na Austrália na década de 1960 e mais recentemente entre 2001 e 2003, sendo uma resposta da Ford ao finado Holden Monaro. Com preço salgado, estimado em 90 mil dólares australianos (184 mil reais), apenas 400 unidades foram comercializadas.

Novo Mustang ocupará lugar deixado pelo Falcon na Austrália

Foto de: Dyogo Fagundes