Lotus terá pedido de falência julgado nesta segunda (18)

O pedido de falência do Grupo Lotus será analisado nesta segunda-feira (18) pela justiça britânica. Mesmo com o julgamento, o tradicional grupo britânico de carros esportivos afirma que não há possibilidade da empresa ser liquidada. Isto representa na maioria da vezes, a demanda de um credor ou grupo de credores que procuram ter os ativos de uma empresa liquidada como garantia pela falta de pagamento de dívidas. De acordo com o tribunal, hoje serão analisados os pedidos do grupo - que compreende a Lotus Cars, Lotus e Lotus Motorsport Engineering. No entanto, o porta-voz Alastair Florance disse que o aparecimento na lista de empresas com pedido de falência foi o resultado de uma petição contestada de um fornecedor que "foi resolvido amigavelmente há várias semanas". O Grupo Lotus não será dissolvido, ou liquidado, disse Florance. A petição ainda existe nas listas do tribunal, porque uma vez que o processo começa tem que ser concluído no Tribunal. Em breve, o grupo irá fazer uma declaração oficial sobre o assunto.