Chega ao fim greve dos funcionários da GM em Gravataí

Chegou ao fim nesta segunda-feira (29) a greve dos funcionários da General Motors na fábrica gaúcha de Gravataí. De acordo com a montadora, os funcionários acataram uma proposta elaborada em reunião no Tribunal Regional do Trabalho e já reiniciaram os trabalhos. Com o novo acordo, os servidores terão reajuste salarial de 9,5% (sendo 7,22% referente ao INPC e o 2,3% de ganho real), piso salarial de R$ 1,2 mil, abono salarial de R$ 3 mil e PPR de R$ 9,6 mil para 100% das metas. A proposta garante ainda o exercício de 41 horas semanais a partir de 1º de maio e de redução para 40 horas a partir de abril de 2014. Também foi incluído quinquênio de 1% a cada cinco anos de emprego. Iniciada na última quinta-feira (25), a paralisação foi organizada para reivindicar equiparação salarial com os trabalhadores das unidades de São José dos Campos e São Caetano do Sul (SP), com reajuste de 12%, e redução da jornada para 40 horas semanais.