PSA Peugeot Citroën e GM suspendem planos de fábrica conjunta no Brasil

De acordo com a coluna Radar, assinada pelo jornalista Lauro Jardim na revista Veja, a PSA Peugeot Citroën e a General Motors suspenderam por tempo indeterminado os planos de construção de uma fábrica conjunta no Brasil. A unidade havia sido pensada pelos grupos após a parceria firmada entre ambos no mês passado e deveria começar a operar em 2016. Custeada por um investimento de aproximadamente 2 bilhões de reais, a planta seria erguida na região sudeste do país - os estados do Rio de Janeiro e de Minas Gerais disputavam a preferência. O congelamento dos planos foi motivado especialmente pela crise financeira na Europa. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Coluna Radar/Veja