Renault suspende produção na Argentina por falta de peças

A Renault suspendeu a produção e dispensou por pelo menos dois dias os 900 funcionários da fábrica em Córdoba na Argentina até amanhã dia 09, por falta de peças que chegam do Brasil e estão paradas na alfândega devido a barreiras impostas pela Argentina. De acordo com o porta-voz do Sindicato de Mecânicos do Transporte Automotivo (Smata), Leonardo Almada, a empresa, sem os componentes, teve de reduzir o seu ritmo de produção. Durante os meses de agosto e setembro representantes do Brasil e da Argentina negociarão as regras e irão definir os detalhes de um novo regime automotivo para o comércio bilateral entre os países. As restrições argentinas se intensificaram após 2008 e com frequência o próprio governo dá ordens para impedir a entrada de produtos pela fronteira. Há muitas situações em que produtos ficam bloqueados dentro do país por barreiras burocráticas adicionais, sem explicação alguma. Fonte: Automotive Business