Volvo quer lançar 10 modelos e abrir 95 concessionárias na China em seis anos

Agora sob o comando da Geely, a Volvo intenciona cada vez mais crescer no próspero e lucrativo mercado chinês. De acordo com informações surgidas nesta semana, a nova proprietária da fabricante sueca planeja fazer da China a segunda casa da Volvo. A expectativa é lançar 10 modelos e abrir 95 novas concessionárias nos próximos seis anos. Até 2020, os planos são de comercializar 800 mil unidades anualmente na China. A ideia é competir em pé de igualdade com as três grandes alemãs (Audi, BMW e Mercedes-Benz) através do lançamento de modelos grandes e luxuosos, mas também compactos e econômicos, como o V40. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Divulgação/Volvo