Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho

Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
Ao dirigir o Novo Civic na estrada notamos melhorias significativas em relação à geração anterior em termos de conforto e consumo, mas que no geral, manteve uma excelente dirigibilidade. Confira as impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e também os dados de desempenho e consumo.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
Durante a avaliação do Novo Civic tivemos a oportunidade de fazer algumas viagens com o modelo rumo ao interior do Estado de São Paulo. Passamos por rodovias excelentes, nas quais o carro parecia deslizar no excelente asfalto, e também em trechos de rugosidade moderada e até não pavimentado.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
Mesmo utilizando um câmbio automático de cinco marchas, enquanto concorrentes avançam com de seis ou CVT, o conjunto se demonstrou muito eficiente. As trocas de marchas ocorrem sem solavancos, tanto nas evoluções quanto nas reduções, e mesmo em velocidades mais elevadas, ainda havia "sobra" de marcha com boa disposição do motor.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
Para quem gosta de ter o "controle" do carro, as borboletas no volante para trocas de marchas são essenciais. As trocas ocorrem em tempo aceitável de forma que transmite esportividade ao condutor. Para quem prefere dirigir de modo mais tranquilo, o Civic também agrada. São três modos de condução: normal, esportivo (câmbio na posição S) e o modo ECON.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
No modo normal, o Civic responde de forma satisfatória às investidas no acelerador. Neste modo, as trocas de marchas são feitas em torno dos 5.000 rpm, mesmo quando acionado o modo de transmissão manual. Já no modo esportivo, a brincadeira começa a ficar mais interessante. O motor responde de modo mais agressivo às investidas do acelerador e as trocas de marchas podem ser realizadas em torno dos 7.000 rpm, inclusive no modo manual pelas borboletas.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
O modo ECON merece destaque. Em uma boa rodovia, ao atingir a velocidade máxima permitida, basta acionar o piloto automático e o modo ECON e relaxar. Em nossos testes, o consumo instantâneo indicado passava dos 14 km/litro para 16 km/litro, com picos de 17 km/litro. Estes números foram obtidos com três pessoas a bordo, ar condicionado ligado 80% do tempo, velocidade máxima de 120 km/h e gasolina como combustível. Ao desligar o modo ECON, imediatamente o indicador de consumo instantâneo reduzia para 14 km/litro. Esta última média foi o nosso resultado final de consumo na estrada: 14 km/litro.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
O Novo Civic também evoluiu em relação ao conforto. O rodar está mais suave e a suspensão, apesar de firme, é agradável tanto para os passageiros dianteiros quanto os traseiros. Em curvas mais acentuadas, o carro permanece firme em sua trajetória. Forçamos uma "saída de traseira", mas o controle de estabilidade rapidamente entrou em ação e corrigiu o rumo sem sustos. Os freios ABS também se mostraram eficientes. Como nem tudo são flores, o Novo Civic pecou em alguns pequenos detalhes. O ronco do motor agrada e não invade a cabine, mas falta um melhor tratamento acústico em relação ao ruído de rolamento dos pneus. Dependendo da situação da rodovia, passa a incomodar em velocidades na casa dos 120 km/h. Como falamos anteriormente, também faz falta o retrovisor eletrocrômico, pois existem muitos motoristas que usam as luzes azuis chinesas e/ou xênom desfocados nas rodovias. Desempenho Fizemos algumas medições computadorizadas sobre o desempenho. O resultado obtido em todas elas foram idênticos e estão consolidados abaixo: 0-10 km/h: 1,69 segundos 0-20 km/h: 2,78 segundos 0-30 km/h: 3,99 segundos 0-40 km/h: 5,38 segundos 0-50 km/h: 6,56 segundos 0-60 km/h: 7,94 segundos 0-70 km/h: 9,29 segundos 0-80 km/h: 10,58 segundos 0-90 km/h: 11,23 segundos 0-100 km/h: 11,69 segundos Velocidade máxima alcançada: 195 km/h Um detalhe interessante é a inteligência do sistema de gerenciamento do câmbio automático. Não importa o modo escolhido (normal, ECON, esportivo), o câmbio entende o que você pelo acelerador, ou seja, mesmo no modo normal, basta pisar fundo no acelerador para o câmbio entender que você quer andar rápido. Com isso, as trocas de marchas são feitas no limite de corte de giro (7.000 rpm), tanto no modo normal como no esportivo. Caso o modo ECON esteja acionado, ao se exigir tudo do acelerador o carro entende que você quer andar e desativa esta função. O resultado final em todas medições - automático normal, trocas manuais, automático esportivo, esportivo manual - foram idênticas.
Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho
Conclusões O Novo Civic manteve uma de suas principais virtudes: a tocada esportiva. Ao mesmo tempo melhorou em conforto, mas deixa o barulho de rodagem invadir a cabine. O câmbio de cinco marchas agrada e cumpre bem o seu papel. O consumo com gasolina também revelou números interessantes, e o modo ECON, uma boa opção para quem preza pelo consumo. Na próxima matéria responderemos as dúvidas enviadas enviadas pelos leitores na matéria de apresentação.

Garagem CARPLACE: Impressões ao dirigir o Novo Civic na estrada e dados de desempenho

Foto de: Fábio Trindade