GM e Ford crescem nos EUA em abril com vendas de carros menores

Ao contrário do que ocorreu com Honda, Nissan e Toyota, que têm enfrentado sérios problemas em sua cadeia de abastecimento, a Ford e a GM elevaram seus lucros graças à procura por carros menores, nos EUA. A General Motors registrou um aumento de 13% em março nas vendas de veículos leves e elevou esse número para 26,6% em abril (232.583 unidades contra 183.614 para o mesmo período de 2010). A Ford divulgou que suas vendas para a mesma categoria subiram 16,3%, para 189.284 unidades em oposição aos 162.996 em abril do ano passado. Em compensação, comparando-se os resultados de março e abril, o segundo apresentou uma queda de 11%. Enquanto a Nissan confirmou uma alta de 12%, para 71.526 veículos contra os 63.769 de abril do ano anterior, a Honda divulgou uma alta de 9,8% em abril, para 124.799 veículos, de 113.697 no mesmo intervalo de 2010. Se comparados os emplacamentos mensais, a marca teve baixa de 6,6%. Já as vendas da Toyota aumentaram 1,3% em abril graças à demanda pelos veículos maiores. No total, a montadora comercializou em abril de 2011 159.540 unidades ante os 157.439 carros no mesmo mês de 2010. Em comparação com março, a procura foi menor e a empresa apresentou uma queda de 9,5%. Por: Michelle Sá / Fonte: Automotive Business (Clarissa Mangueira)