Alemães de olho na indústria automobilística brasileira

Em visita ao Brasil, onde participou da Automec (feira internacional de autopeças, equipamentos e serviços) que termina amanhã (16/04), Klaus Bräuning, diretor da VDA (entidade que representa as montadoras de veículos e fabricantes de autopeças alemãs), ressaltou a importância do nosso mercado para a indústria alemã. "Não estamos olhando somente para a Ásia. Observamos com atenção que no ano passado o mercado brasileiro absorveu mais veículos leves do que o alemão, com 3,3 milhões de unidades", destacou o executivo durante sua conversa com os jornalistas. De acordo com ele, um quinto dos automóveis vendidos no mercado nacional é montado por empresas alemãs e a expectativa para este ano (para os veículos leves) é que as vendas avancem 5%, totalizando 3,5 milhões de unidades. Quanto aos veículos pesados e comerciais, o mercado de ambos demonstrou fôlego no primeiro trimestre e apresentou um crescimento de 27%. O ano passado ficou marcado para os alemães como o período em que sua indústria automotiva foi superada por suas plantas no exterior, que produziram 12,6 milhões de unidades contra os 5,9 milhões fabricados na Alemanha. Enquanto a produção de automóveis cresceu 13,4%, no país europeu o mercado interno desacelerou 21% na comparação com 2009. Os dados demonstram que, embora com seu mercado saturado, a Alemanha não quer perder espaço na indústria automotiva. E, para impedir que isso aconteça, as marcas fabricam no exterior e também importam de suas matrizes. Sem fornecer detalhes a respeito do crescimento das exportações e produção alemã no ano passado, a VDA confirmou suas expectativas de que o mercado global avance 7% e atinja 66 milhões de unidades. De acordo com Bräuning, a atenção estará voltada para as nações em crescimento uma vez que as montadoras alemãs têm estado atentas à disponibilidade e evolução dos preços das matérias-primas e alertas à inflação, crescente tanto no Brasil quanto na China. Por: Michelle Sá / Fonte: Giovanna Riato - Automotive Business