Ao contrário do que se pensa, nenhum dos mais luxuosos veículos do mundo está livre de apresentar defeitos, nem mesmo um legítimo Rolls-Royce. Nesta semana, a fabricante inglesa está convocando 589 unidades do sedã Ghost para verificação e eventual substituição da bomba elétrica de água auxiliar. Segundo o NHTSA (National Highway Traffic Safety Administration), orgão fiscalizador da segurança viária nos Estados Unidos, o componente pode superaquecer, apresentando riscos de incêndio. O defeito envolve os modelos fabricados entre setembro de 2009 e setembro de 2010, equipados com o motor V12 biturbo. O mesmo problema foi visto (e solucionado) recentemente no BMW 760 Li, que compartilha mecânica com o sedã inglês. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Rolls-Royce/Divulgação
Envie seu flagra! flagra@motor1.com