Decisão do STF isenta Kia de responsabilidade por dívidas da Asia Motors

Depois de mais de uma década de brigas judiciais sobre a responsabilidade pelo pagamento de R$ 2 bilhões em dívidas da Asia Motors ao governo brasileiro o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a Kia Motors não tem participação no problema gerado. Não só isso: a decisão ainda estabelece que a fabricante sul-coreana tem direito a receber R$ 300 milhões referentes a carros comprados e não pagos pela Asia. Tudo começou em 1997, quando a Asia Motors, posteriormente incorporada pela Kia, aproveitou incentivos do governo brasileiro para erguer uma unidade produtiva na Bahia. Como a fábrica nunca saiu do papel, a Receita Federal aplicou em 2001 uma multa equivalente a R$ 500 milhões. A decisão do Supremo considerou que houve má-fé por parte dos representantes da Asia. Será que a decisão do STF pode estimular a implantação de uma fábrica da Kia no Brasil? Aguardemos os próximos passos da marca. Por Thiago Parísio / Fonte: Car and Driver (por Marcelo Cosentino)