Toyota mantém o posto de maior fabricante mundial de carros

Nem o mega recall do Corolla “conseguiu” tirar da Toyota o posto de maior fabricante de automóveis. Ajudada por suas afiliadas, pelo terceiro ano consecutivo a marca japonesa manteve em 2010 o primeiro lugar no pódio mundial comercializando 8,42 milhões de carros. Os segundo e terceiro lugares couberam, respectivamente, à GM, com 8,39 milhões, e à Volkswagen, com 7,14 milhões de veículos produzidos. Mesmo diante de um cenário aparentemente positivo a Toyota, segundo seus executivos, tem motivos para ficar apreensiva uma vez que a GM tem apresentado um bom crescimento no mercado chinês. Além disso, a gigante japonesa não divulgou modelos inéditos para o mercado norte-americano. Tais fatores contribuíram para a perda de participação. Para 2011 a meta da Toyota é vender 8,6 milhões de carros em todo o mundo. Fato é que, diante da ausência de novos produtos e dos problemas apresentados ao longo do ano passado isso será possível? A Toyota conseguirá atingir o marco traçado? Essa resposta só 2012 nos trará. Por: Michelle Sá