Hugo Chávez ameaça expulsar Toyota e tomar fábricas de montadoras na Venezuela

Na Venezuela, quem manda é o presidente e não o planejamento global das montadoras. O presidente Hugo Chávez, durante discurso, ameaçou expulsar a Toyota do país simplesmente porque a marca japonesa deixou de fabricar esta máquina (foto acima) no país. Chávez também ameaçou as demais dizendo que se elas não compartilharem tecnologia com as empresas locais, irá tomar as suas instalações e expulsá-las da Venezuela. As ameaças diretas à Toyota começaram quando um motorista disse que falta veículos 4X4 para atender as áreas rurais. Na Venezuela, a marca japonesa deixou de fábricar o "rústico" Land Cruiser 70 em 2007. "Por que a Toyota não quer produzir o modelo rústico aqui?" questionou Chávez. "Temos de forçá-los. E se eles não quiserem, eles devem sair e vamos trazer outra empresa. Os chineses querem entrar e produzir os modelos rústicos." "Diga às pessoas na Toyota que eles têm de produzir esse modelo e que vamos impor uma cota que se não for cumprida resultará numa punição", completou Chávez. Fonte: G1